9 de outubro de 2016

Resenha do Livro: O Caso dos Números

  Olá leitores, tudo bem com vocês?

  Bem, hoje trago resenha de um livro de autor nacional simplesmente MARAAAvilhoso hahaha É O Caso dos Números, de Gunther Schmidt, publicado pela Editora Verve. A trama gira em torno basicamente de um inspetor tentando solucionar crimes e encontrar o assassino, mas calma, calma, meu povo. Não é só a história de um serial killer que eu adoro mas, principalmente, a forma como ele escolhe sua vítimas. Sentiram o mistério...? Sem mais delongas, vamos à resenha *-*


Sinopse: Há diversas histórias sobre atores famosos que são confundidos com as personagens que representam e assediados constantemente por suas ações nas obras de ficção. Nos piores casos, eles contam com seguranças para manter os mais fanáticos afastados. Mas o que acontece quando o alvo do fanatismo são os autores que escrevem e criam essas personagens? Em mais um caso do inspetor gaúcho radicado no Rio de Janeiro, Marlos Wagner, o autor cria um romance policial envolvente que explora a dinâmica entre fã e criador, criminoso e policial, no qual os escritores viram as personagens principais nas tramas que eles mesmos criaram. Trazido de outro departamento para este caso em especial, Marlos terá que decidir em quem realmente pode confiar e acreditar mais do que nunca em seus instintos policiais para resolver essa série de crimes meticulosamente planejados por um assassino improvável.

  Bem, para começar com chave de ouro, vocês viram na sinopse como o serial killer age: os autores viram suas vítimas e sofrem o mesmo que fizeram seus personagens sofrer. Essa forma como o assassino decide quem e como matar foi simplesmente sensacional e totalmente original. Temos a literatura dentro da própria literatura... entenderam? Hahaha

  Durante o decorrer da trama, enquanto Marlos vai investigando os crimes e tentando desvendar o mistério, o próprio killer manda capítulos, como se fossem partes de um livro que têm uma sequencia lógica, em que aplica metáforas sobre a morte das vítimas. Nesse e em outros momentos podemos notar a genialidade e perspicácia do assassino, como ele planeja e executa tudo de maneira meticulosa.



  Como esse é um romance policial, e há as investigações, hipóteses, discussões entre os envolvidos no caso e tudo mais, creio que as descrições do autor principalmente nessas cenas foram muito inteligentes. Outra coisa muito legal de se ler e imaginar foi a descrição dos depoimentos, que creio que talvez sigam o mesmo modelo da vida real (vejam a biografia do autor que máximo).

  Há alguns palavrões (se é que podem ser considerados assim hoje em dia), mas, como sempre digo, torna tudo mais realista.

  Em relação à solução do mistério, foi interessante a reviravolta que ocorreu... Nunca passou pela minha cabeça quem era o assassino. Eles desvendaram o "nome artístico" do mesmo através de um enigma composto de números deixados nas cenas dos crimes, e mais uma vez Gunther nos surpreende e nos deixa de boca aberta.

  A linguagem é fácil, exceto alguns termos policiais que na maioria das vezes são entendidos pelo próprio contexto. A trama é envolvente e a forma como as coisas vão acontecendo deixam o leitor ansioso por mais, além de ser muito boa a sensação de ir acompanhando a lógica das autoridades e a solução do mistério.



  Creio que o final deixou brecha pra uma possível continuação que, se sair, não verei a hora de ler e, claro, dividir com vocês. 

  Em relação à edição, adorei a capa, o título faz jus ao enigma, a maneira como o autor colocou sua biografia como já disse é muito massa hahaha e, mesmo sendo um livro pequeno, com 188 páginas, é um livro gostoso de ser lido, com páginas amareladas e fonte em bom tamanho.



  Gunther é ex-sargento especialista em armas e munições e cursado pela SECINT em tiro básico e avançado, ou seja, usou sua experiência e transformou em uma obra prima.
  
  Por fim, recomendo esse livro pra quem gosta de histórias sobre serial killers, com muito mistério, reviravoltas e genialidade.

  Caso queira acessar a página do livro no Skoob, é só clicar aqui.

  E aí leitores, o que acharam do livro? Gostam desse tipo "exótico" de literatura policial?

  Espero que tenham gostado. Beijos <3

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê sua opinião sobre o assunto discutido acima :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copyright © 2015 | Design e Código: Natana Duarte - Colecionando Livros | Uso pessoal