12 de dezembro de 2015

Resenha da Série: Terra Nova

  Olá leitores, tudo bem com vocês?
 

  Desculpem-me por ter sumido do blog. Agora que estou de férias garanto que não vai mais acontecer hueueh Aqui estou novamente pra fazer algo que não faço há muitooo tempo: resenha de série. Recentemente, com o final do ano letivo e várias provas e trabalhos a fazer, não tenho tido tanto tempo pra me dedicar tanto aos livros quanto às séries, infelizmente.

  Há um tempo atrás, eu estava procurando alguma coisa nova pra assistir na Netflix e me deparei com Terra Nova (vou chamar de TN hheuhe). A capa da mesma e sua sinopse me chamaram a atenção e então decidi dar uma chance. Geralmente, quando escolho alguma série pra assistir na Netflix, eu assisto todos os episódios disponíveis e só depois vou procurar saber sobre possíveis novas temporadas e etc. E isso às vezes é um problema, como por exemplo quando assisti ao último episódio da primeira temporada de TN e fui procurar uma temporada seguinte na Internet, e surpresinha: a série tinha sido cancelada, e pior, em 2011, ou 2012, não sei ao certo. Isso me deixou meio que um pouquinho talvez muito frustrada. Irei explicar o porquê mais abaixo.


  Antes, confiram a capa e sinopse da série:



Sinopse: No ano de 2149, o planeta Terra está praticamente inabitável pelo excesso de poluição da atmosfera. Para escapar dessa situação, o detetive de polícia Jim Shannon (Jason O'Mara) resolve viajar com a mulher, Dra. Elisabeth (Shelley Conn), e os filhos para Terra Nova, uma colônia humana em plena era dos dinossauros. Em pouco tempo, Jim é recrutado pelo comandante Nathaniel Taylor (Stephen Lang) para cuidar da segurança do local e logo descobre que irá enfrentar diferentes ameaças na sua nova vida.

  Confesso que, no começo, eu não estava muito empolgada com essa série. Eu achava a temática interessante e bem original, por isso decidi dar uma segunda chance e seguir em frente, pelo menos por mais alguns episódios. Na verdade, em boa parte dos mesmos eu achei que faltou um pouco mais de algo que prende o telespectador, que o faz querer saber o que vem adiante. Não foi por falta de acontecimentos, reviravoltas, etc, e sim a maneira como tudo isso era retratado. Só depois da metade da série é que as coisas começam a ficar no mínimo interessantes pra fazer alguns maratonistas de série quererem acabar a temporada em um só dia.

  Em relação ao elenco, gostei muito dos atores, mas acho que os produtores não souberam fazer um script adequado pelo menos nos primeiros episódios pra fazer a gente gostar dos personagens, torcer para que tudo dê certo para eles, shippar alguns casaizinhos e tudo mais. 

  Os efeitos foram bem feitos, pelo menos para mim. Sou suspeita para falar isso porque não sou muito boa em ver as gafes nessa parte, e pouca coisa para mim já está bom. Mas realmente achei os dinossauros bem reais.

  Em suma, Terra Nova é uma boa série, de nível baixo nos primeiros episódios, mas que dá um solavanco com tudo a partir de sua metade. Os atores foram ótimas escolhas, só que não esperem tanto dos personagens que eles interpretam. Os efeitos são muito bons e a temática, a ideia que a série traz é bem inovadora.

  E por último: lembrem-se que a série foi cancelada, então uma boa parte da história, como alguns enigmas, o destino dos personagens e muito mais foram deixados para terem seu espaço na segunda temporada que, infelizmente, talvez nunca vá existir.

  Para vocês terem uma noção superficial da série, confiram o trailer:


  E aí, alguém já assistiu ou tem interesse em assistir a Terra Nova? Comentem aí para eu saber uehue

  Espero que tenham gostado, leitores. Beijos <3

Um comentário:

  1. PESSOAL ASSINEM A PETIÇÃO PARA FOX VER O QUANTO QUEREMOS A SÉRIE DE VOLTA!!! BRING TERRA NOVA BACK!!! https://secure.avaaz.org/po/petition/20th_Century_Fox_Tragam_a_serie_Terra_Nova_de_volta/?cihBlib

    ResponderExcluir

Dê sua opinião sobre o assunto discutido acima :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copyright © 2015 | Design e Código: Natana Duarte - Colecionando Livros | Uso pessoal