13 de agosto de 2015

[The Whispers] - Pra expandir a Grade de Séries

  Hoje é dia de resenha nova? Sim! Sobre séries MAIS UMA VEZ? Sim! Focada nas estreantes da Summer Season 2015? Sim! Eu sou um viciado em séries e só falo nisso? Okay, chega de perguntas retóricas. A resenha de hoje é sobre The Whispers!

  The Whispers é a uma das mais novas séries da emissora ABC,  lançada há pouco mais de dois meses e detentora de um elenco bastante agradável, como o Barry Sloende, o Aiden de Revenge, e tendo como protagonista a Lily Rabe, famosa pelos seus papeis em quatro temporadas de American Horror Story, a exemplo da épica Irmã Mary Eunice famosa pela frase “I’m the Devil, I know everything” (trilha sonora de terror) em American Horror Story: Asylum.


  Como se não bastasse a Lily conviver com gente doida e roteiros malucos, assustadores e bizarros na tão querida série de terror citada, ela agora faz parte de outra que margeia temas semelhantes, afinal, The Whispers é acima de tudo contextualizada numa premissa pra lá de doentia e aterrorizante: amigos imaginários podem ser assassinos e manipuladores.

  Em Washington D.C., cidade onde se passa os acontecimentos da série, várias crianças criam seus próprios amigos imaginários e isso aparentemente não é nada preocupante. Até que a policial Claire Bennigan, personagem da Lily Rabe, descobre que tais crianças não só apenas possuem amigos imaginários um tanto diferenciados, mas todos com a mesma identidade: Drill, uma força estranha capaz de se comunicar com crianças através de sussurros propagados pela luz, que não só brinca com as crianças e as ajudam a não se sentirem sozinhas, mas também consegue influencia-las a fazerem o que ele bem quiser, no pretexto de que tudo se organiza como um jogo. Dessa forma, os pequenos devem obedecer a suas ordens que variam entre ''minta para sua mãe" até "tente detonar uma bomba com alguém por perto pra ver o resultado". Mas tudo deve ocorrer de modo sigiloso, não se deve contar a ninguém os planos do Drill, porque se você for bem sucedido na tarefa pode ganhar um grande prêmio, mas isso nem sempre consegue cobrir todos os danos causados ao familiares e próximos da criança. 

  Além de todo o caos ocorrendo na cidade, e as pessoas envolvidas no caso se dividirem entre a incredulidade de tal coisa e a certeza de que tem uma mente muito perigosa por trás disso tudo - mas humana - existem os próprios dramas dos personagens para se você se ocupar. Claire Bennigan tem que lidar com problemas no casamento que continuam a atordoá-la após a suposta morta de Sean Bennigan, seu marido, interpretado pelo Barry Sloende.

  Tudo vira do avesso quando Claire descobre que o Sean não morreu, e a antiga história problemática deles vem à tona. O drama dos dois, associado aos eventos sobrenaturais e enigmáticos da cidade, além da amizade perigosa do filho do casal, Henry, com seu amigo imaginário, pasmem, Drill compõe um núcleo narrativo interessante e com um bom desenvolvimento e produção.

  Talvez o piloto ou os primeiros episódios nem sejam necessariamente grande coisa, mas The Whispers é o tipo de série que dá uma arrancada no meio da temporada em picos de adrenalina e emoções pra deixar você querendo mais e mais e mais e mais...
  Acima de tudo, The Whispers é uma série que pode sim ser bastante promissora, tem potencial para tal, já possui índices de aprovação bem aceitáveis.
  Leitores Forever indica e torce para não ser cancelada.

-Fabinho Rodrigues

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Dê sua opinião sobre o assunto discutido acima :D

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Copyright © 2015 | Design e Código: Natana Duarte - Colecionando Livros | Uso pessoal